Circuito Vivo arte.mov RECIFE

A oficina irá mostrar diversos exemplos e plataformas para realidade aumentada, focando especialmente em aplicações criativas. Serão demonstrados aplicativos para android visando a criação de ambientes de realidade aumentada sem necessidade de programação. A oficina não tem restrições de formação. Sugerimos aos alunos que tenham celulares android e/ou notebook, e que levem seus aparelhos. Idade mínima exigida: 16 anos.

Bruno Vianna nasceu no Rio de Janeiro, Brasil, em 1971. É formado em cinema pela UFF. Tem mestradoem Telecomunicações Interativaspela NYU, concluído em 1999. Começou em 2006 um doutorado em comunicação pela Universidade Autônoma de Barcelona. Entre 1994 e 2003 dirigiu quatro curtas de ficção, que tratam sobretudo de temas sociais dentro da sua cidade natal. Em 2006 seu primeiro longa, Cafuné, lançado ao mesmo tempo em salas de cinema e na Internet, com uma licença Creative Commons. Bruno trabalha com computação móvel desde 1999. Desenvolveu um sensor de movimento para Palms como seu trabalho final de mestrado. Recebeu no ano 2000 uma bolsa da Universidade Pompeu Fabra, em Barcelona, para desenvolver uma pesquisa em literatura interativa chamada “Palm Poetry”. Domina diversas tecnologias de desenvolvimento e programação como Java, Director, Processing, além de hardwares programáveis.

“Narrativas e realidade aumentada” com Bruno Vianna | Inscrições até 28 30/03 – Sexta-feira/03
Local: Paço da Alfândega
Horário: De 14h às 17h
Número de participantes: 12 pessoas